Onda de calor na América do Sul pode elevar temperaturas a 50 graus

Argentina, Uruguai e Paraguai podem atingir temperaturas recordes pela onda de calor 

Da redação, com agências

calor Onda de calor na América do Sul pode elevar temperaturas a 50 graus

Onda de calor atinge América Latina./ Foto: Geralt – pixabay

Uma forte onda de calor atinge a região central da América do Sul nesta semana e pode fazer com que cidades na Argentina, Uruguai e Paraguai registrem temperaturas recordes, próximas dos 50ºC. 

No Brasil, apesar de muitas cidades estarem sofrendo com as fortes chuvas, o estado do Rio Grande do Sul pode sentir os efeitos do calor, com temperaturas que podem chegar a 40ºC. As temperaturas mais altas no Rio Grande do Sul devem ser marcadas no oeste do estado, com máximas entre 10ºC e 15ºC acima da média para esta época do ano. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu aviso de perigo para 216 municípios do RS em razão da onda de calor.

A onda é causada por uma massa de ar quente e seca. Desde esta segunda-feira, 10, cidades como San Antonio Oeste, e Mendoza, já sentiam os efeitos das altas temperaturas. 

Em Buenos Aires, um blecaute provocado pelo uso de ar-condicionado em empresas e residências deixou cerca de 750 mil pessoas sem eletricidade. Segundo o Serviço Meteorológico Nacional (SMN), a capital argentina enfrenta seu quarto dia mais quente em 115 anos, ou desde que os registros passaram a ser arquivados em 1906.

O post Onda de calor na América do Sul pode elevar temperaturas a 50 graus apareceu primeiro em Notícias.

Fonte: Canção Nova
Data: Wed, 12 Jan 2022 12:52:19 +0000