Em PE, acolhidos pela Fazenda da Esperança ganham formação gratuita

Iniciativa é uma parceria da Arquidiocese de Olinda e Recife com a Universidade de Pernambuco (UPE)

Da redação, com CNBB NE2

arquidiocese olinda recife universidade Pascom Olinda e Recife Em PE, acolhidos pela Fazenda da Esperança ganham formação gratuita

Foto: Pascom Olinda e Recife

A Arquidiocese de Olinda e Recife em parceria com a Universidade de Pernambuco (UPE) está oferecendo cursos e oficinas aos acolhidos pela Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique, em Jaboatão dos Guararapes (PE), Região Metropolitana do Recife. As atividades são desenvolvidas por graduandos e professores nas áreas de educação, empreendedorismo, artes, esporte, cultura e lazer.

A iniciativa é fruto de um convênio de cooperação técnica entre a Igreja e a instituição de ensino, assinado pelo arcebispo Dom Fernando Saburido e pelo reitor Pedro Henrique Falcão, no início deste mês. Uma oficina de produção de vídeo em celular inaugurou o cronograma de capacitações previstas para este ano.

O objetivo é que os cursos e as oficinas ajudem na reabilitação dos acolhidos na Fazenda da Esperança, onde vivem vivem o tripé “espiritualidade, trabalho e comunidade”. Dessa maneira, a arquidiocese e a UPE estarão contribuindo com a construção do protagonismo pessoal e social dos beneficiários para sua reinserção familiar e social.

 “Nossos irmãos acolhidos terão a oportunidade de aprender novos ofícios, de desenvolver seus talentos e até descobrir, com o conhecimento adquirido, uma forma de sustento e mudança de vida”, afirmou Dom Saburido. “Lembrando que este acordo vive, oportunamente, o tema da Campanha da Fraternidade 2022”, completou.

Expansão da iniciativa

De acordo com o reitor da UPE, a parceria com a Arquidiocese de Olinda e Recife é uma experiência que deverá ser levada também para as Fazendas da Esperança na Diocese de Garanhuns (PE), no Agreste.

“É o cumprimento do nosso dever, cumprimento da missão da universidade, frente a uma instituição que faz um trabalho tão importante, humanista, de cuidar desses jovens e resgatar suas vidas”, disse o professor Pedro Henrique Falcão.

Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique

Primeira unidade da Região Metropolitana do Recife voltada à recuperação de homens com dependência química, a Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique completa 3 anos no dia 1º de março.

A unidade é formada por três casas, um refeitório e auditório e uma capela provisória. Até o momento, a Fazenda da Esperança está com 26 moradores, sendo 24 acolhidos em tratamento e dois voluntários.

O tratamento completo dura 12 meses e após a alta, os jovens são orientados a participarem de um grupo de acompanhamento denominado GEV (Grupo Esperança Viva), formado por ex-acolhidos e seus familiares. O trabalho dos GEV’s na Arquidiocese de Olinda e Recife é desenvolvido há 20 anos e vem contribuindo para acompanhar jovens com problemas de dependência química e orientar familiares.

 

O post Em PE, acolhidos pela Fazenda da Esperança ganham formação gratuita apareceu primeiro em Notícias.

Fonte: Canção Nova
Data: Mon, 21 Feb 2022 14:48:33 +0000